João Dias da Silva: temos um sistema educativo assente na precariedade

11-09-2017 00:00

2017-09-08

João Dias da Silva: temos um sistema educativo assente na precariedade
 

O Secretário-Geral da FNE, João Dias da Silva, e Carlos Silva, Secretário-Geral da UGT, participaram, na tarde de 8 de setembro de 2017, pelas 15h30, numa conferência de imprensa conjunta, sobre o acompanhamento das condições de abertura do ano letivo de 2017-2018, que decorreu nas novas instalações da FNE, na Rua Pereira Reis, 399, no Porto.

João Dias da Silva sublinhou que continuamos a ter um sistema educativo assente na precariedade de professores contratados e de professores do quadro e que "é um imperativo nacional a revisão do diploma de concursos, para se por fim a múltiplas injustiças que colocam professores contra professores". O Secretário-Geral da FNE referiu ainda que as escolas continuam com um número insuficiente de não-docentes e que o recurso à greve poderá estar em cima da mesa ainda neste primeiro período. "Não vale a pena continuarmos a fazer reuniões com o Ministério da Educação para ficar tudo na mesma", referiu.

 

 

Por seu lado, Carlos Silva realçou que a UGT assinou um acordo tripartido, que o Governo assinou e a que não pode fugir. "Queremos dar dignidade à Educação em Portugal e, como há bem pouco tempo referiu o nosso Presidente da República, é preciso negociar, investir no Diálogo Social, na concertação. Mas um processo negocial tem que ter consequências, pois é um acordo entre as partes", acentuou. Para o Secretário-Geral da UGT, "o Governo tem que ter sensibilidade social, não pode fechar a porta aos processos negociais".

 

Voltar

Contactos

Sede: Staaezn
Rua da Constituição, 814
5º sala 28
4200-195 Porto

Telefones: 226 084 476

Telemovel: 966 823 183

Sugestões de melhorias

Por favor preencha os seguintes campos:

Sindicato dos Técnicos Superiores, Assistentes e Auxiliares da Educação da Zona Norte

Desenvolvido por STAAE Zona Norte